Frete Grátis Acima de $250,00
Entrega discreta
6x sem juros
0 Carrinho
Seu carrinho está vazio no momento.
Como fazer chuca: passo a passo fácil e seguro

Como fazer chuca: passo a passo fácil e seguro

Aqueles que sabem um pouco sobre sexo anal sabem que a chuca é um assunto importantíssimo, né?!

Por ainda ser tabu falar de sexo abertamente, muitas pessoas acabam não recebendo as orientações corretas de como fazer chuca, correndo o risco de se machucarem com métodos equivocados.

Isso porque existem diferentes formas de fazer a chuca e preparar o cur antes de uma noite quente com mozão — ou momento de divertimento com seu dildo, né?

E para te ajudar a encontrar o melhor jeito, reunimos neste post algumas formas de fazer a chuca!

Para evitar surpresas desagradáveis como passar o famoso cheque na hora H, continue a leitura e acompanhe as dicas que a pantynova preparou para que você evite problemas no momento que deve ser repleto de prazer!

O que é chuca?

Para quem não conhece o termo, chuca, também chamada de enema e clister, é uma técnica de limpeza da região anal e do reto!

Inicialmente, o método era usado para ajudar as pessoas com problemas no intestino, mas que com o passar do tempo também foi adaptada para higienizar a região antes de fazer o sexo anal.

Simplificando, a chuca consiste na lavagem do cur para afastar a preocupação em sujar a cama, o dildo ou o seu perceire.

Como fazer chuca?

A realização da chuca dependerá exclusivamente do método que você escolher — isso porque existem vários! Portanto, nada melhor do que saber como limpar corretamente a região para explodir de prazer, certo?

Já que queremos ter prazer por lá, aproveite para dar uma olhadinha no nosso post como fazer sexo anal pela primeira vez e confira diversas dicas valiosas para estar preparade quando esse momento chegar.

Mas antes de continuar, é importante ressaltar que a prática da chuca, quando muito constante, pode causar alteração na flora intestinal (e te deixar dodói, anjo). Então, evite fazer essa limpeza se não for necessário e procure imediatamente um médico se perceber qualquer desconforto, dor ou machucado na região. Saúde em primeiro lugar, hein!

O melhor método para fazer a chuca: ducha higiênica reutilizável

Pensando na alternativa ideal para limpar e cuidar do seu cuzinho como ele merece, escolhemos um método que é o favorito da marca — e também dos médicos —, para ensinar o passo a passo.

Estamos falando dela: a ducha higiênica! Não mô, não é a duchinha que fica ao lado do vaso, aquela lá tem muita pressão para usar no cur. Vamos falar agora do modelo higiênico íntimo, desenvolvido especificamente para a limpeza retal.

Uma opção individual e reutilizável que você encontra em diversas farmácias. Para usá-la é muito simples, acompanhe o passo a passo:

  • Retire o aplicador e encha o bulbo da ducha higiênica com água em temperatura ambiente (não pode ser fria nem quente);

  • Aplique um pouco de lubrificante na entrada do ânus, e estimule um pouco a região para relaxar a musculatura;

  • Sente no vaso sanitário, reposicione o aplicador no bulbo e insira a ponta no canal retal;

  • Aperte o bulbo de silicone para que a água entre;

  • Mantenha o bulbo apertado enquanto retirar ele do canal retal para evitar que a água suja entre nele;

  • Em seguida, faça força como se estivesse defecando e observe se a água que saiu;

  • Repita o processo até a água sair limpa, o que não deve demorar mais que 4 tentativas.

Caso você ainda sinta contrações no intestino, significa que ainda não acabou. Para facilitar a evacuação, você pode fazer movimentos circulares com as mãos na barriga.

Além disso, salientamos que é fundamental usar lubrificantes anais à base de água durante as práticas, pois isso ajuda a prevenir fissuras e outros machucados na região!

Quais são os métodos mais comuns de fazer a chuca?

Depois da ducha higiênica íntima reutilizável e a descartável, existem muitas formas de fazer a chuca por aí. Inclusive muitas formas inadequadas.

Utilizando garrafa pet

Entre as piores opções está a garrafa pet.

Mô, não precisa nem falar né? A garrafa pet é muito rígida e larga e pode facilmente machucar o seu curzinho. Se você usa essa técnica, tá na hora de parar!!!

Apostando na ducha higiênica

A famosa mangueirinha do vaso sanitário também não é a melhor opção.

Apesar de parecer uma solução muito prática, a pressão com que a água sai dessas mangueiras pode machucar suas pregas e a mucosa retal. Por isso, o melhor é evitar.

O chuqueirinho é real oficial?

Quem não conhece um amigo que utiliza a mangueira do chuveiro para a chuca?

De todas as opções que mencionamos até agora, essa é a mais tranquila! Isso porque o método permite que você controle o fluxo de água com o gesto de dobrar a mangueira e ir soltando a entrada lentamente.

Lembrando que não é preciso mais de 200ml por vez! Mas como é difícil contar o nível de água pelo cur, tenha cuidado.

Quanto tempo antes de dar o cu devo fazer a chuca?

É difícil medir um tempo seguro para fazer o sexo anal depois da chuca. Porém, se você é bem reguladinhe e conhece os horários do seu intestino, fica mais fácil.

Quando a penetração for mais profunda, ou seja, quando você for usar um dildo ou transar com alguém que tenha cerca de 20 cm de rola, o interessante é que a chuca seja feita no máximo quatro horas antes.

Entretanto, quando for introduzir no cur algo mais superficial, como plugs anais e toys menores, o efeito deve durar mais tempo.

O que não podemos esquecer para fazer a chuca?

Ressaltamos que a chuca é um assunto bastante discutido por médicos! Por isso, é importantíssimo que você procure as formas mais seguras de realizar esse processo, como as que sugerimos aqui. Não arrisque, sinta prazer!

Agora que você já aprendeu como fazer a chuca, aproveite e compartilhe esse post com aquele amigue que pode aproveitar as nossas dicas. Esperamos ter contribuído para um sexo anal mais seguro e gostoso para todes!


Como fazer chuca: passo a passo fácil e seguro