Frete Grátis Acima de $250,00
Entrega discreta
6x sem juros
0 Carrinho
Seu carrinho está vazio no momento.
COMO SABER SE SOU BI

Como Saber Se Sou Bi?

Será que eu sou bissexual?

Então, você está lendo este post porque não tem certeza da resposta para a pergunta "Como Saber Se Sou Bi?" ou é curiose. Muitas pessoas passam pela fase da dúvida, o que é normal.

Antes de tudo, entenda que dividir o ser humano em duas orientações sexuais é desconsiderar a diversidade e a identidade de cada um. Não tem isso de 8 ou 80 na sexualidade. Somos seres múltiplos.

A sociedade tem a necessidade de rotular as pessoas. Mas migue, a sexualidade é fluida e não podemos nos encaixar em uma caixinha que não nos cabe.

Sinta-se à vontade para descobrir um pouquinho mais sobre esse incrível mundo da autodescoberta.

Visibilidade bi

Hoje em dia existem várias nomenclaturas sobre sexualidade, por isso o termo  LGBTQIA+ tem esse “mais”.  De qualquer forma, é fundamental respeitar as pessoas e dar visibilidade a esse público.

A bissexualidade é uma das diversas orientações sexuais que está ganhando cada vez mais espaço, o que é ótimo, mas ainda existe muito preconceito em torno disso.

Para ter realmente a certeza da sua bissexualidade, você precisa gostar de mais de um gênero (independentemente de quais sejam) de forma sentimental e/ou sexual. Isso inclui todas as pessoas não-binárias, transgêneras, intersexos, dentre outras.

“E se eu gostar de todos os gêneros?” Queride, talvez você seja pansexual. Basicamente, uma pessoa pansexual está aberta para se relacionar com pessoas, sem levar em conta o gênero delas, mas vamos deixar esse assunto para outro post, ok?

Meu bem, lembre-se que a bissexualidade não é binária. “Como assim?”, você deve ter perguntado. Na língua portuguesa, certamente, "bi" significa dois, mas existem muito mais do que dois gêneros, não é?

Agora vamos quebrar alguns mitos sobre ser bi?

  • bissexual NÃO é indeciso;
  • bissexual NÃO precisa gostar 50% de um gênero e 50% de outro;
  • fidelidade NÃO é questão de orientação sexual;
  • ser bi NÃO é só uma fase;
  • um bi NÃO está “em cima do muro”;
  • bissexualidade NÃO tem nada a ver com infelicidade;
  • ser bi NÃO é ter váries parceires ao mesmo tempo;
  • um bi NÃO precisa ficar com alguém do mesmo sexo ou gênero para se assumir bi;
  • ser bi NÃO significa que está aberte para tudo e todes;
  • NÃO é porque você é bi que terá Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs);
  • ser bi NÃO é modinha.

Está na hora de dizer CHEGA para essas ideias preconceituosas. Mergulhe fundo nas verdades:

  • um bissexual pode gostar de vários gêneros e não somente de dois;
  • você não será menos bissexual por se relacionar com um gênero mais do que com outros;
  • bi pode ser monogâmice;
  • pessoas transexuais podem ser bissexuais;
  • bis também fazem parte da comunidade LGBTQIA+;
  • você não precisa provar ser bi.

Você é complete, queride!

Como saber se eu sou bi

Imagine só essa situação: você sempre se considerou monossexual, mas um dia conhece uma pessoa interessante de outro gênero. Vocês se aproximam, se conhecem e se apaixonam. Vai deixar de viver essa experiência só porque ela contraria a sua orientação sexual?

Tenha em mente que, como seres humanos, podemos mudar o nosso pensamento e nossos desejos a qualquer instante e está tudo bem.

A autodescoberta é um processo que dura a vida toda. Em determinado momento, você pode sentir que gosta de mais de um gênero.

Explore os seus sentimentos e vontades.

Amigue, as dicas a seguir podem indicar que você é bissexual, mas essa é uma questão que só você tem a resposta, ok?!

1.      Você tem dúvidas sobre a sua sexualidade

Você não tem certeza que é monossexual, porque já se imaginou com outros gêneros, sentiu desejo e ficou com alguém em algum momento da vida.

2.     Já fantasiou com pessoas de mais de um gênero

Você já teve vontade de ter experiências sexuais com pessoas de outro gênero ou fantasiou que estava trocando uns amassos? Já se masturbou pensando em pessoas sem definir um gênero?

Talvez você seja bi, mas você pode muito bem ter várias fantasias e não desejá-las na realidade.

3.     Sente atração pela pessoa

Você não pode nem pensar naquela pessoa que já se arrepia todinhe? Huumm… o que acha de perder a vergonha e chegar nu crush?

Quem sabe rola uma química boa entre vocês...

4.     Já ficou com alguém

Beijou, acariciou e se envolveu sentimental e fisicamente com mais de um gênero. Gostou? Quer repetir a dose?

Se você trocou uns carinhos gostosos e sente atração regularmente por outros gêneros, esse é mais um indício de bissexualidade.

COMO SABER SE SOU BI

Ainda tenho dúvidas…

Calma, migue, esse é um processo. Você deve observar um conjunto de fatores. Não é porque você teve relações sexuais com outro gênero que, automaticamente, você é bi.

O primeiro passo é se conhecer e querer quebrar as barreiras que impedem a sua realização sexual.

Não fique com medo do que os outros vão pensar. Eles que se cuidem.

Agora faça alguns exercícios práticos e tente definir o que é bissexualidade para você segundo as suas vivências.

  • Já teve uma experiência com outro gênero? O que achou? Faria novamente? Sentiu atração? Já se imaginou com essa pessoa?
  • Após ficar ou pensar em alguém, o que você sentiu? Foi prazeroso?
  • Se você nunca ficou com mais de um gênero, tem vontade? Já teve fantasias sexuais nesse sentido? O que você sente ao ver uma pessoa de outro gênero?

Você não precisa se sentir atraíde ao mesmo tempo, por mais de um gênero e nem com a mesma intensidade.

Use a sua imaginação para perceber como o seu corpo e a sua mente reagem ao contato com outros gêneros.

Quer algo picante? Então leia ou escute os nossos contos eróticos.

É claro que você também pode fazer isso na prática. Aproveitem o momento juntes para explorar a sua sexualidade.

Migue, a gente tem vários produtinhos maravilhosos para você curtir sozinhe ou acompanhade. São vibradores, dildos, lubrificantes e muito mais!

Hummm é um brinquedinho mais gostoso do que o outro… Só queremos o seu prazer e o seu bem-estar <3.

Mais amor, por favor

Queride, todas as formas de amor são válidas, desde que haja concordância entre es participantes. 

Você é o seu primeiro amor, tenha isso em mente. Não tem como você ter experiências  prazerosas sem valorizar o seu corpo e quem você é.

A sua primeira experiência bissexual pode ser um pouco confusa. Converse com a pessoa antes, sinta-se segure e confortável, deixe que tudo flua naturalmente.

Não pense em problemas, tabus e preconceitos. Viva no presente e se entregue. Você merece.

Vamos exercitar a autoestima?

Identifique os seus bloqueios e a origem deles. Vale a pena receber ajuda psicológica, porque a sua saúde mental deve ser uma prioridade.

Cuide do seu corpo e trate-o com carinho, literalmente. Já passou a mão delicadamente por cada pedacinho seu? Sinta texturas, formas, cheiros, gostos…

Saiba como você prefere ser tocade e por quem. Relaxe e tenha um momento consigo mesme.

Cada vivência é única, portanto não se compare.

Como me assumir bi

Migue, para muita gente essa é uma decisão muito difícil, porque o medo de sofrer preconceito e rejeição até mesmo da família é grande.

Tudo que foge do padrão social é uma afronta. Vamos ser afrontoses juntes?

O principal conselho que damos é: faça isso no seu tempo. Não se sinta pressionade, porque você não é obrigade a nada, amore.

Não precisa chegar pra sua família como se você precisasse dar uma satisfação sobre quem você beijou ou quer beijar. Muitas pessoas podem não entender, azar o delas.

Você não pode viver refém do que a sociedade irá pensar. A sua vida só lhe diz respeito!

Agora vamos mostrar algumas formas de se assumir bi para quem vale a pena:

  • quando o assunto surgir em meio a uma conversa;
  • reunir as pessoas importantes para você e falar;
  • falar como você se sente;
  • ficar com alguém em um rolê perto dos amigues.

Você não está sozinhe nessa

Procure apoio de uma comunidade LGBTQIA+ ou converse com alguém de confiança.

Você não precisa guardar tudo para o resto da vida e reprimir os seus sentimentos. Mais uma vez, reforçamos que não vale a pena deixar de ser você por causa do que os outros pensam.

Tenha calma, respire fundo e se assuma primeiro para você mesme. Sentimentos reprimidos sufocam.

Sai pra lá, bifobia

A bifobia é o preconceito contra pessoas bissexuais. As pessoas não-monossexuais DEVEM ser respeitadas.

Não há nada de errado em ser bi, gay, lésbica, trans… Isso não machuca ninguém. O que machuca é o preconceito.

Vamos lutar juntes para a representatividade bi. Solte um grito para si mesme: EU EXISTO!

E aí, agora a pergunta “Como saber se eu sou bi” é mais fácil de ser respondida, não é mesmo? Queride, não se prenda, porque existem várias formas de amar e de ser amade.

Caso você não queira se rotular como "bi", ok! Você tem a liberdade para decidir.

Uma coisa é certa: as pessoas gostam de pessoas. Uma relação consentida é linda e deve ser vivida.  Seja feliz.

O mundo é colorido, meu bem. Um beijão e até a próxima!


Como Saber Se Sou Bi?